Pesquisar neste blogue

sexta-feira, janeiro 31, 2014

Stout

Sempre achei uma piada a esta foto (apesar de resumir o conhecimento que 90% da nação Portuguesa tem sobre cervejas pretas!! (infelizmente e injustamente).:


O objetivo aqui é abordar uma cerveja que deveria ser muito melhor tratada pelo nosso país - Super Bock Stout - quer a nível de vendas mas acima de tudo, quer a nível dos comerciantes. Estes deveriam reconhecer o mercado que existe para este tipo de cervejas e capitalizar essa lacuna, uma vez que as Stouts são um expoente de sabor, frescura e aroma, neste mundo de cereais fermentados.

A Super Bock Stout é produzida a partir de diversos tipos de maltes (malte pálido, malte de Caramelo e malte de Chocolate) que lhe conferem um aroma e gosto distinto, bem como uma espuma cremosa e duradoura. Difere das cervejas Pretas existentes no mercado, dado ser mais rica em extracto, mais encorpada, com aroma e gosto mais complexo (frutado) e não tão torrado. O cuidado e o tipo de matérias primas utilizado no processo de fabrico de Super Bock Stout resultam numa equilibrada combinação entre o doce e o amargo revelando um sabor único.

É daquelas cervejas que acompanham bem um Bife e só tenho pena da falta de coragem do consumidor para avançar mais neste conhecimento sobre uma das melhores cervejas pretas do mundo.





quinta-feira, janeiro 23, 2014

HARP

Ando um desnaturado disto...dassss. Parece que a falta de pachorra que tenho para aturar certas merdas se extende ao tasco. Não pode, tenho de combater isso e nada melhor que falar duma cerveja que me surpreendeu bastante:

HARP:

É uma lager, mais concretamente, uma Lager ao estilo Vienna,. Cor dourada, com um cheiro forte a cevada (para alguns até poderá ser intenso e quase azedo) e algumas notas mais florais. Sabor fresco, mas com alguma falta de corpo, o que poderá provocar alguma desilusão. Indicada para dias de calor.

O melhor mesmo e apenas para efeitos estatísticos de amostragem é beber umas quantas - tipo 10 ou 12 (este número é meramente demonstrativo e nunca uma representação duma certa noite em dublin com 3 tipos à volta duma mesa dum Pub)...

A parte mais interessante é saber que a origem desta Lager é Guinness - Inicialmente produzida em 1960. Este indicador é relevante para se perceber o porquê duma lager com alguma falta de corpo e paladar - já foi feita para agradar a outro tipo de público alvo, do que as típicas cervejas irlandeses (muito fortes, pesadas e corpolentas). Acho que foi uma tentativa bem sucedida, diga-se de passagem, de democratizar a cerveja.

Pesquisa personalizada